10 de abril de 2014
Imprimir | Indicar a um amigo Saiba como livrar-se de medicamentos

Atenção na hora de pôr seus remédios no lixo
Materiais devem ser entregues em farmácias e postos


O descarte incorreto de medicamentos pode contaminar o solo e a água, colocando em risco o meio ambiente e a saúde da população Devido à existência de substâncias químicas, esses e outros materiais utilizados pelos serviços de saúde como termômetros, seringas e tubos de pomadas precisam de cuidados especiais e não devem ser descartados em lixos comuns. De acordo com o consultor técnico da Secretaria de Meio Ambiente de Novo Hamburgo, postos de saúde do Município e algumas farmácias fazem o recolhimento desses materiais e dão a destinação correta, mas a obrigação de recolhimento é do fabricante "Termômetros, por exemplo, possuem mercúrio, considerado um metal pesado. Esses elementos são cancerígenos e, se descartados de forma irregular, podem acabar chegando até o organismo humano", explica. A orientação da Prefeitura é de entrar em contato com a unidade antes de levar o material.


Prática pode contaminar solo e água


Uma lei federal de 2010 estabelece a Política Nacional dos Resíduos Sólidos. Materiais como pilhas, baterias, pneus, óleos lubrificantes e suas embalagens, lâmpadas fluorecentes, eletroeletrônicos e seus componentes, além de medicamentos devem ter um local para descarte. 


Muitas pessoas, por falta de alternativas e de informação, ainda jogam esses produtos no lixo comum ou na rede de esgoto. De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a prática pode contaminar a água e o solo. Fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes têm como obrigação recolher ou destinar um lugar para que os consumidores os descartem, independente da coleta de lixo pública.


SEPARE


1 Verifique em casa a data de vencimento de seus medicamentos.
2 Separe os medicamentos da embalagem original e guarde-os em uma embalagem descartável. Caso você prefira, leve comprimidos e pílulas na caixa original e separe-os nahora de depositar nos pontos de coleta.
3 Medicamentos líquidos ou pastosos, como pomadas,devem ser mantidos na embalagem original.
4 Deposite estes medicamentos nos pontos de coleta em postos de saúde e em farmácias, separando as caixas, as pílulas e os medicamentos líquidos e pastosos em seus respectivos recipientes.
5 O Município e as farmácias darão o direcionamento correto para esses medicamentos: aterro ou incineração.


SAIBA MAIS


Segundo a Anvisa, não há um procedimento oficial para o descarte de termômetros com mercúrio. A orientação e depositar o objeto em sua embalagem plástica nos locais para descarte de pilhas, baterias e lâmpadas fluorescentes, pois as empresas que fazem o recolhimento destes objetos são especializadas oro separar e reciclar metais tóxicos.



Fonte: Jornal NH - Comunidade p.3




Deseja divulgar seu evento?

Clique aqui e preencha o formulário! É simples!





Palavras de Moacyr Scliar

Na qualidade de profissional da área da saúde, tenho a maior admiração por "O Cuidador", bela publicação editada por Marilice Costi que preenche, com sensibilidade e competência, uma lacuna: aquela representada pela necessidade de amparar os que cuidam de pessoas com limitações. Este periódico é um benefício para toda a sociedade.



Aqui outros depoimentos





Produtos Culturais e Serviços Ltda. - Bairro Farroupilha - Porto Alegre - Brasil - Fone: +55 51 3508.8009 - [email protected]